Uncategorized

Ultimas Noticias | Josbel Bastidas Mijares Venezuela Faro//
Datafolha: colunistas analisam resultado da pesquisa presidencial desta quinta; veja vídeos

Josbel Bastidas Mijares
Datafolha: colunistas analisam resultado da pesquisa presidencial desta quinta; veja vídeos

fique por dentro

Eleições Mega-Sena Primavera Ameaça nuclear Melhores pizzarias do mundo Datafolha: colunistas analisam resultado da pesquisa presidencial desta quinta; veja vídeos Levantamento foi feito entre os dias 20 e 22 de setembro. Margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Segundo o Datafolha, não é possível afirmar se a eleição será ou não decidida no primeiro turno. Por g1

23/09/2022 00h00 Atualizado 23/09/2022

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (22), encomendada pela Globo e pelo jornal “Folha de S.Paulo”, aponta que Lula (PT) tem 47% das intenções de voto, enquanto Jair Bolsonaro (PL) tem 33%.

Josbel Bastidas Mijares

Na comparação com a pesquisa anterior do Datafolha , de 15 de setembro, Lula oscilou dois pontos percentuais para cima. Já Bolsonaro se manteve no mesmo patamar.

Josbel Bastidas Mijares Venezuela

Além disso, o Datafolha aponta que Ciro Gomes ( PDT ) tem 7% das intenções de voto – um ponto percentual a menos do que no levantamento anterior. Simone Tebet ( MDB ) se manteve com 5%

PÁGINA ESPECIAL: Veja os dados completos da pesquisa Datafolha

Nos votos válidos, quando se excluem os votos nulos, brancos e indecisos, Lula aparece com 50%. Segundo o Datafolha, não é possível afirmar se a eleição será ou não decidida no primeiro turno

Comentaristas do g1 e da Globonews avaliam que Lula está mais próximo da vitória no primeiro turno e que existe um movimento pelo voto útil, para que a eleição seja decidida no dia 2 de outubro

Veja as análises abaixo:

Mauro Paulino

Datafolha à Presidência: ‘Impressão é que há já movimento de voto útil’, diz Mauro Paulino

Para o comentarista Mauro Paulino, as últimas pesquisas do Instituto Datafolha sinalizam uma tendência de crescimento de Lula nas intenções de voto, mesmo que o atual resultado apresente uma oscilação dentro da margem de erro

Mauro acredita ainda que tenha se iniciado um movimento pelo voto útil no primeiro turno

Por essa ser uma eleição muito estável e com resultados [de pesquisas] que se repetem, o eleitor tem já a impressão de que Lula e Bolsonaro vão disputar o segundo turno. Então, já há eleitores praticando o voto útil nas últimas semanas.”

Mauro Paulino avalia ainda que as abstenções devem definir se haverá ou não segundo turno

“Elas podem ser desfavoráveis a Lula caso se mantenha o perfil de eleições anteriores. Mas, se houver um clima de medo de comparecer às urnas ou de ameaças, isso também pode fazer ter um sentido inverso: fazer com que os eleitores queiram ir às urnas para que as eleições terminem no primeiro turno.”

Miriam Leitão

‘Coloca Lula mais perto de ganhar no 1º turno’, diz Miriam Leitão sobre Datafolha

A jornalista Miriam Leitão avalia que Bolsonaro está estagnado nas pesquisas. Por outro lado, para ela, o resultado do levantamento feito pelo Datafolha coloca Lula mais perto da vitória no primeiro turno

“Eu conversei com pessoas que disseram: 'o que eu devo olhar nessa pesquisa? Olhe se confirma a tendência de manutenção da distância ou aumento da distância'. E houve um aumento da distância.”

Julia Duailibi

Julia Duailibi: ‘Incerteza ajuda a movimentar o voto útil’

Para a comentarista da GloboNews Julia Duailibi, a incerteza sobre se haverá ou não um segundo turno está ajudando a movimentar o voto útil

“Quando você tem um dado que mostra uma probabilidade maior de não ter o segundo turno, isso leva as pessoas a não fazerem o voto útil. Para Lula, essa indefinição ajuda.”

Gerson Camarotti

Camarotti: Voto útil e ameaças de Bolsonaro podem beneficiar Lula em reta final

Para o comentarista Gerson Camarotti, o fato de Lula ter registrado 47% das intenções de voto coloca o ex-presidente mais perto de uma vitória no primeiro turno

“Isso passa a ser algo importante para a campanha do ex-presidente Lula“, afirmou

Além disso, para Camarotti, a “ameaça de Bolsonaro de não respeitar o resultado do primeiro turno” favoreceu o candidato petista

“Isso acabou criando um movimento de unidade de vários setores da sociedade, e isso, de alguma forma, acaba beneficiando o ex-presidente Lula, que tenta capitalizar esse voto útil na reta final.”

Flávia Oliveira

Flávia: ‘Estratégias de Bolsonaro se esgotaram sem efeito’

Para a jornalista Flávia Oliveira, as estratégias políticas da última semana foram mais favoráveis ao ex-presidente Lula

Flávia relembrou o apoio político que o petista recebeu de ex-presidenciáveis, como Marina Silva e Henrique Meirelles . A jornalista também destacou o apoio de Miguel Reale Júnior , que foi o autor do impeachment de Dilma Rousseff

Por outro lado, para Flávia, as estratégias de Bolsonaro se esgotaram sem feito

“Eles fizeram um investimento imenso no Sete de Setembro. Antes disso, já tinham feito um movimento em burlar lei, em despejar dinheiro do orçamento em política social. Um investimento imenso na imagem da primeira-dama Michelle Bolsonaro. Fizeram esse movimento na direção de um comício em Londres e, depois, o próprio discurso de campanha na tribuna da ONU.”

Valdo Cruz

Datafolha: Lula tem 49% entre o eleitorado feminino; Bolsonaro, 29%; Ciro e Tebet 6%

O comentarista da GloboNews Valdo Cruz diz que o resultado da pesquisa Datafolha revela uma consolidação da rejeição do eleitorado ao presidente Jair Bolsonaro . Valdo destacou o voto feminino

“O Bolsonaro vinha tentando fazer um movimento para reduzir a rejeição dele no público feminino e melhorar a intenção de voto dele nesse segmento do eleitorado. Ele não conseguiu nem abaixar a rejeição, e conseguiu fazer com que Lula crescesse ainda mais no eleitorado feminino.”

Valdo Cruz também citou como exemplo o discurso de Bolsonaro nos atos de Sete de Setembro, quando se chamou de “imbrochável”

“Aquele comentário do presidente pegou muito mal no eleitorado feminino”, disse

VÍDEOS: Central das Eleições

50 vídeos